Até frio e a carência andam de mãos dadas.
E você ai sozinho.”
Maycon Lima   (via pursuedd)
A verdade é que somos umas monstruosidades. Se pudéssemos nos ver de verdade, saberíamos como somos ridículos com nossos intestinos retorcidos pelos quais deslizam lentamente as fezes… enquanto nos olhamos nos olhos e dizemos: ‘Te amo’. Fazemos e produzimos uma porção de porcarias, mas não peidamos perto de uma pessoa. Tudo tem um fio cômico.”
Bukowski   (via intercalado)
A gente tem que sonhar, senão as coisas não acontecem.”
Oscar Niemeyer.  (via poematizei)
Não abandone quem nunca abandonaria você.”
John Mayer.     (via pursuedd)
Era curioso, eu pensava, como as coisas se fazem. Apenas um dia de cada vez, dia após dia, e então, lá estava. Num certo sentido, eu me sentia como se ainda não tivesse escrito o argumento. Não escreveu, diria um crítico, enquanto não perceber o ruim e o óbvio em seu texto. Mas qual era a diferença entre um crítico de cinema e um espectador de cinema? Resposta: o crítico não precisa pagar.”
Charles Bukowski. (via thiagopolycarpo)
Eles discordavam em muitas coisas, para falar a verdade não concordavam em quase nada. Brigavam o tempo todo, se provocavam todos os dias. Mas eles tinham algo muito importante em comum: Eram loucos um pelo outro.”
Diário de Uma Paixão.   (via teleportear)
O lar é onde fica o coração.”
A culpa é das estrelas. (via nihsturz)
Apaixone-se por alguém que, mesmo com milhões de motivos pra ir, escolha ficar.”
Capitule.  (via infragilizada)
Porque aprendi que a vida, apesar de bruta, é meio mágica. Dá sempre pra tirar um coelho da cartola.”
Caio F. Abreu.   (via a-confessions-boy)
Envelheci
10 anos
ou mais,
nesse último
mês.”
Engenheiros do Hawaii.   (via poematizei)
Engole um espelho, menina. Aprende que bonito, é o que a gente é por dentro.”
Caio Fernando Abreu.    (via poematizei)
UMAPEQUENAPOETA ©